Seguidores

Nuvem de Tags

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Pessoas...


Era uma vez, no universo das palavras, conversavam num ambiente cheio de reticências dois pontos de interrogação. A dúvida dos dois era a mesma, mas os dois, de modo diferente, tinham muito medo de qual exclamação viria como resposta. Os dois então se debruçaram nos planetas diversos que a palavra proporciona. De repente, eram dois pontos passeando por vários ambientes de dor, sofrimento, alegria, fogo e fantasia. Até que sob a sombra de uma árvore, num paraíso de concreto já bastante escuro, a luz substituiu a palavra, e o que já eram dor, sofrimento, alegria, fogo e fantasia, misturaram-se numa viagem a outros universos de sensações. Sucções de libido e ternura envolveram as interrogações até que a certeza já não importasse mais, ou pelo menos não o suficiente pra modificar a importância de estar ali, fazendo aquilo, falando nada, dizendo tudo o que realmente deveria ser dito.

Vez ou outra, quando acidentalmente pousavam as duas interrogações no mundo dos pobres desgraçados, um chegava a perguntar ao outro coisas como: "Valeu a pena esperar?", "Mas tínhamos que esperar tanto?", "Por que você desorganiza meu coração já bagunçado?", "Porque você é a resposta pra todas as perguntas que nem ao menos perguntei?" Mas então, o mais suave que a rapidez pode ser, eles voltavam a navegar em correntes macias e envolventes de outros nichos, experimentando o que já sonhavam, sonhando com o que não haviam experimentado.

Até que as duas interrogações viraram apenas uma palavra: "tchau". E com a forma que apenas nossos olhos dizem e somente nossos corações entendem, disseram: "até breve"...

4 comentários:

Cibelle disse...

Que lindo!!! Adoro reticências, rsssrs... Obrigada pelo carinho de sempre lá no meu blog! Beijos...

***MissUniversoPróprio*** disse...

Que lindo esse mundo das palavras. Para mim a pontuação significa muito. Por exemplo, quando estou triste, me torno reticente. Quando estou determinada, uso ponto final. E por aí vai.

Beijos e obrigada pelo carinho! Gostei demais do comentário. É bom ver homens que começam a compreender que as coisas estão mudando. ;)

Luna Sanchez disse...

Ah, eu gosto das interrogações, adoro perguntas. Gosto das respostas faladas, também, mas prefiro aquelas dadas com o olhar.

Olhos cheios de exclamação...como é bom!

ℓυηα

***MissUniversoPróprio*** disse...

É verdade, boa comparação. ;) =****